bladeSéries de super-heróis estão bombando atualmente. Na verdade, existem tantas, que muitas vezes elas mal parecem ter uma chance de serem canceladas e substituídas por um novo vigilante encapuzado. E isso é lamentável, porque ao longo dos anos houveram algumas verdadeiras joias escondidas que só precisavam de um melhor acabamento pra brilharem. Aqui está uma repaginada em algumas séries de super-heróis fracassadas que tinham potencial.

The Tick

the-thick Se você nunca viu a hilariante série The Tick de 2001, não sabe o que está perdendo. Patrick Warburton ficou perfeito como o super-herói absurdo e a estética louca da série criou um clássico cult legítimo. Nada disso impediu a Fox de cancelar a série após apenas nove episódios incríveis. Claro que, se ele estivesse sendo exibido hoje, se encaixaria perfeitamente com bloco de animação da Fox, apesar de ser “live action”. Pena que The Tick estava 15 anos à frente do seu tempo.

Blade

blade Blade foi o primeiro personagem da Marvel que realmente estourou no cinema. E ele deveria ter seguido o exemplo e se tornado um sucesso na TV também. Era certamente o que parecia quando Blade estreou na Spike em 2006. No entanto, quando as críticas atacaram, a Spike cancelou o projeto, não porque o show estava indo mal, mas porque ele simplesmente custava muito caro. Em um canal maior? Blade poderia ter se tornado um sucesso.

No Ordinary Family

no-ordinary-family Criado por James Cameron, a série sci-fi Dark Angel de 2000 apresentou as aventuras de Jessica Alba como uma super-humana geneticamente melhorada tentando resgatar outras vítimas de experimentos governamentais. Foi um pontapé inicial na carreira de Alba e teve êxito em sua primeira temporada. Na segunda temporada, a Fox tomou a decisão curiosa de enterrar o show no seu desolado horário noturno de sexta-feira. Naquela época, a mudança efetivamente destruiu a classificação e a dinâmica da série, que foi cancelada. Hoje em dia, o show poderia ter encontrado uma segunda casa no Netflix ou Amazon, mas, infelizmente, a porta se fechou, pois Alba e Cameron estão envolvidos em projetos muito maiores.

The Cape

the-cape Ok, então The Cape não era realmente muito bom. Mas sabe de uma coisa? Muitas séries não são muito boas e continuam vivas. Seinfeld quase foi cancelado depois de cinco episódios, cacete! Portanto, The Cape simplesmente não teve tempo de explorar seu potencial e sua história de origem de um policial que é acusado de assassinato e se torna um vigilante pra limpar seu nome. Infelizmente, a NBC não estava se sentindo tão generosa após o fracasso de Heroes e cortou The Cape permanentemente depois apenas dez episódios.

Teen Titans

jovens-titas A TNT já cogitou uma série adolescente de ação dos Jovens Titãs – e nunca tirou a ideia do papel! E isso é meio louco, dada a popularidade selvagem do desenho animado Teen Titans ao longo dos últimos anos, pra não mencionar o fato de que a rede passou um ano em pré-produção desenvolvendo a série antes de cancelá-la preventivamente no início de 2016 e o seu personagem principal, Asa Noturna, nem teve a chance de espancar um bandido sequer. Por que Titãs foi cancelado é um mistério, mas talvez as pessoas certas possam emparelhar a série ao lado de Arrow e Flash – e não há dúvidas de que os Titãs poderiam ser um hit.

Dark Angel

dark-angel

Criado por James Cameron, a série sci-fi Dark Angel de 2000 apresentou as aventuras de Jessica Alba como uma super-humana geneticamente melhorada tentando resgatar outras vítimas de experimentos governamentais. Foi um pontapé inicial na carreira de Alba e teve êxito em sua primeira temporada. Na segunda temporada, a Fox tomou a decisão curiosa de enterrar o show no seu desolado horário noturno de sexta-feira. Naquela época, a mudança efetivamente destruiu a classificação e a dinâmica da série, que foi cancelada. Hoje em dia, o show poderia ter encontrado uma segunda casa no Netflix ou Amazon, mas, infelizmente, a porta se fechou, pois Alba e Cameron estão envolvidos em projetos muito maiores.

Birds of Prey

birds-of-prey

Uma série que estava muito à frente de seu tempo, Birds of Prey estreou na Warner Bros em 2002. Apresentando um elenco de heroínas e metahumanas, Birds of Prey se passou numa Gotham futurista onde Batman está ausente. Felizmente, sua filha Caçadora está lá pra unir forças com a Oráculo – filha do Comissário Gordon – e Dinah Lance – filha da Canário Negro. Se essa equipe não era o suficiente, Harlequina era a principal vilã, uma jogada interessante dado que ela se tornou uma das personagens mais populares dos quadrinhos agora. Apesar de tudo isso, a Warner cancelou o show depois de apenas 13 episódios.

Constantine

constantine-2 A versão cinematográfica de Constantine de 2005 – estrelada por Keanu Reeves – foi um sucesso sólido, apesar de tomar várias liberdades poéticas com a personagem, o que deixou os fãs em pé de guerra. Então você achou que a versão televisiva mais fiel de 2014 teria sido um sucesso ainda maior, certo? Mas, apesar de ganhar uma base de fãs leais e críticas apaixonadamente positivas, a NBC cancelou a série após apenas 13 episódios. A aparição subsequente do herói em Arrow revelou que o personagem ainda tem muito potencial – talvez em um canal diferente.

Doutor Estranho

doutor-estranho O Mago Supremo da Marvel ganhará o seu longa-metragem em novembro estrelada por Benedict Cumberbatch. Mas esta não vai ser a primeira tentativa de popularizar o Doutor Estranho. Em 1978, a CBS produziu um piloto de duas horas de uma série destinada a acompanhar o popular Incrível Hulk. Um problema: a CBS estava exibindo Raízes, que era basicamente o maior evento televisivo da década. O próprio Stan Lee disse que acha que a série teria sido um sucesso, se a CBS tivesse dado uma chance. Em vez disso, a rede decidiu não apostar, descartando o que poderia ter sido um trunfo.

1% é Redator desse site, mas aqueles 99% é Vagabundo! :v